terça-feira, julho 08, 2008

Descobrir Esta Foz do Arelho

Este óleo de Constâncio Silva, datado de 1943, deixa-me com algumas dificuldades, em identificar esta Foz do Arelho.

Penso que a paisagem que se vê ao longe, será da Margem Sul, ou seja do lado dos "belgas". Penso que esta parte da lagoa, ainda está distante da aberta... talvez entre o cais (inexistente na época - pelo menos o actual de cimento armado, que sempre conheci...) e o palacete do conde D'Almeida Araújo.

Aceitam-se pistas e deduções...

14 comentários:

Maria disse...

Pode ser por aí, sim, para os lados do Nadadouro (quase). Ao fundo pode ser o Bom Sucesso, Luís.
O cais, que tu só conheceste em cimento armado, como existe agora, foi inicialmente em madeira, pranchas de madeiras colocadas em cima de estacas de madeira...
... ai como sou antiga...

Beijinho, Luís

Anónimo disse...

Olá Luis

Só o autor poderia contar o local exacto....e depois a lagoa está mudando de ano para ano....e as linguas de areia movimentam-se ao sabor das marés. Creio que esta janela está no lado sul da lagoa, no prolongamento de cova dos mussaranhos, estrada de terra batida, passando pelas cabanas dos pescadores....em frente até um local pouco conhecido....daí avistam-se as colinas do lado do arelho ....as colinas que se vêem na pintura......
A nossa lagoa......e ainda hoje vi o rio da cal completamente poluído a entrar pela barrosa a dentro..esgoto puro sem tratamento...tanta vaidade com o CCC quando a cultura é despejada na lagoa mais bonita de Portugal...que pena!
obrigado
Vitor

Elsa Martinho disse...

Também só conheço o actual de cimento, nada mais posso acrescentar...

Um abraço.

alice disse...

não sei onde fica, mas é muito bonito! beijinho, luís.

c valente disse...

Saudações amigas

adsensum disse...

Passei parte das férias da minha infância na Foz do Arelho.
Não mais voltei.
E não me recordo bem das paisagens. Mas tenho fotografias muito boas da Foz.
Tenho que voltar!

Parapeito disse...

Não ia reconhecer como a Foz do Arelho...mas tambem de 1943...

Naquela epoca nao estava na certa tao arrebentar pelas costuras nem a lagoa tal mal tratada...

Gostei de "conhecer" a Foz do Arelho do passado.
**

Luis Eme disse...

pois pode, Maria, ser ainda mais para o interior...

Luis Eme disse...

tem razão Vitor, quase todos os anos há mudanças na lagoa e estamos a falar de um quadro com mais de cinquenta anos...

Luis Eme disse...

o que é uma pena, Elsa...

Luis Eme disse...

a Foz do Arelho é bonita, Alice...

Luis Eme disse...

obrigado C Valente.

Luis Eme disse...

mas hoje tudo é diferente, Adsensum...

Luis Eme disse...

pois não Parapeito...

gostei de te ver por aqui.