quinta-feira, fevereiro 07, 2008

Os Bibes Brancos da Primária

Todo este "rebuscamento" ao passado de Sócrates, fez com que me recordasse (num comentário que fiz sobre o tema na blogosfera) do tempo dos bibes brancos que usávamos na escola primária.

Não me lembro bem como funcionava toda esta história dos bibes, mas tenho impressão que os deixávamos na escola e que só eram utilizados na sala de aulas.

Não sei se os levávamos para o recreio. Mas se isso acontecia, deviam ficar bonitos...

E claro, na escola primária do Bairro da Ponte (em frente da estação da CP) ainda apanhei as separações por sexo. Havia um pequeno muro que fazia de fronteira, entre a escola das meninas (não sei porquê, mas elas sempre foram mais meninas que raparigas...) e a escola dos rapazes.

Só quando entrei para o ciclo preparatório, com o advento da Revolução, é que as turmas passaram a ser mistas...

A fotografia é de Eduardo Gageiro, do livro "Estas Crianças Aqui", de que é co-autor com Maria Rosa Colaço.


20 comentários:

Maria P. disse...

O bibe era branco, tinha 6 botões, no bolso tinha o nome bordado (em azul) a ponto cruz com duas florinhas ao lado, o recreio era com o bibe vestido, as meninas não se sujavam, eles não sei...

O que tu me fazes recordar...:)

Um abraço e beijos.

Oris disse...

As meninas era de bibe branco, claro...Os rapazes tinham uma bata, também branca, abotoada de lado...

Acho que as batas estavam sempre limpinhas...:)))

Havia a professora dos rapazes e a das raprigas....recreios separados...nada de misturas....

Boa recordação, Luís...
Bom fim-de-semana.
Beijitos da
Anoris

Maria disse...

Ó Luís e no meu tempo ainda na secundária....
Chamavam-se batas, porque bibes para miúdas dos 10 aos 15 era complicado...
Brancos, com pregas para fazer "roda", não fossem algumas "curvas" que iam aparecendo seram causadoras de perturbação....
Creio que a minha turma foi a primeira a ser mista, a partir do antigo 3º ano, porque até lá era meninas para um lado e rapazes para o outro....
Ainda devo ter fotos desses tempos... credo!!!!!

Beijinho

Pitanga disse...

Aqui nunca usamos isso porque havia um uniforme. Saia azul-marinho às pregas do quadril pra baixo, e blusa branca com vivo azul marinho e o emblema com o nome do colégio. E era só de meninas, o meu Liceu.Tinha as suas vantagens.

abraços

Leite Silva disse...

O meu Amigo é um felizardo. Eu no secundário continuei a ver as meninas do outro lado, até as escadas de acesso eram diferentes,mesmo assim não impediu os namoricos com grande parte deles a dar em casamento. foi o meu caso, já lá vão trinta e tal anos....Ah e também andei na Escola do Bairro da Ponte.
Um abraço

Acordomar disse...

Pois era, e eu tive um bibe todo "modernaço" de nylon :)))

E eu so apanhei turma mista no meu 4º ano...e foi pq mudei para a Henriques Nogueira, pq antes disso, num edificio novo, hoje a Secundaria Ginestal Machado de Santarem era tudo separadinho...Qd passavamos para o refeitorio q se situava no patio dos rapazes, ia tudo de cabeça em baixo ...
Tempos...

Luis deixo-te um abraço daqui do Oeste ;*

Joana disse...

No meu tempo só havia bibes no jardim-escola.

E divisões por sexus, só nos colégios de bem ou internos.

Quando venho aqui, descubro coisas de um tempo que me é completamente desconhecido. Só por isso vale a pena tirar bilhete para o Oeste.

obrigado Luís

alice disse...

eu ainda tenho o meu bibe, feito pela minha mãe. mas não sou deste tempo antigo de uniformes e salas de meninas ali e salas de meninos acolá... foi tudo ao molhe :)

as velas ardem ate ao fim disse...

Que saudades...

bjinho

Maria Luar disse...

No teu rosto come�a a madrugada, o luar fica de prata, olho-te, amigo da minha alma.

Abracinho

*
xi
*

Eu levava o bibe vestido de casa.

Luis Eme disse...

Acho que o meu tinha mais botões e também devia ter o nome bordado. Era de "lei", Maria...

Luis Eme disse...

Exactamente Anoris...

Luis Eme disse...

Tens razão Maria, eram batas, pois, bibes era para a pré-primária, nós já éramos quase crescidos, quase...

Luis Eme disse...

E desvantagens, penso eu, Pit...

Luis Eme disse...

Pois, e na secundária, essas "prisões" não davam jeito nenhum. Claro que havia sempre forma de contornar estas "divisões", nos caminhos até casa, não era caro Silva?...

Luis Eme disse...

Tempos em que até um simples olhar "tirava bocado", Cor do Mar...

Luis Eme disse...

És uma jovem, Joana...

Luis Eme disse...

Claro, és outra "teennager", Alice...

Luis Eme disse...

Não iria tão longe Velas, mas sabe bem recordar...

Luis Eme disse...

Não me consigo lembrar se levava o bibe (ou bata...) vestido, ou se ficava na sala de aulas, Maria Luar...